Conheça a Indian Scout 2015

080314-2015-indian-scout-f

A Indian Motorcycles continua com a sua estratégia de relançar seus modelos do século passado, atualizando-os para o século 21. O primeiro foi a Indian Chief, a bagger da marca, mais luxuosa e voltada ao touring.

Agora ela relança a Scout, a moto mais “esportiva” da linha (e bota aspas nisso). A Scout foi fabricada de 1920 até 1940, e competia com a Chief pelo posto de modelo mais importante da marca. Ficou famosa em Bonneville nas mãos de Burt Munro, que rompeu vários recordes de velocidade com ela, e cuja a história foi contada no filme “Desafiando os limites“.

Indian Scout 101, considerada por muitos a melhor moto já fabricada pela Indian.
Indian Scout 101, considerada por muitos a melhor moto já fabricada pela Indian.

A nova Scout tem tudo para agradar quem estava torcendo pela nova Indian, mas que não se identificava com a Chief e com seu preço. Segundo a própria Indian, ela irá custar a partir de apenas US$ 10.999 nos EUA, o que a coloca na mesma faixa da Sportster 1200 Custom. O motor tem basicamente a mesma cilindrada da 1200, mas gera praticamente o dobro da potência graças ao desenho mais moderno e refrigeração líquida. Apesar de saber que esse último item provavelmente vai espantar muitos fãs da Harley, ele também deve atrair os consumidores americanos que atualmente andam em em cruisers japonesas, mas que prefeririam uma moto american made com motor mais moderno.

Ainda é cedo para dizer qual será o próximo alvo da Indian, mas já dá para perceber que ela pretende incomodar a Harley tanto no segmento de luxo, quanto nas motos chamadas de entrada (apesar de eu não concordar com esse termo, como já disse aqui).

Seguem algumas fotos de divulgação da nova Scout:

photos-1 photos-3 photos-13 photos-15 scout-indian-red topimage

 

26 ideias sobre “Conheça a Indian Scout 2015”

  1. aqui no Brasil vendem indian? essa moto ficou muito linda, será q vai vender aki??? quanto vc acha q custará??

    Parabens pelo blog, entro todo santo dia religiosamente! kkk

  2. as indians nunca me chamaram a atenção, mas essa moto ficou linda demais, a estetica, a mecanica, e o preço chama bastante a atenção, e vai deixar a harley davidson bem encomodada

    1. As varetas são consideradas ultrapassadas pelos americanos. Só as marcas muito fortes ainda usam. Para (re)começar do zero como a Indian tem que ter comando no cabeçote.

  3. A Chief é bem feinha, mas essa Scout tá bacana. Resta esperar como vai ser o serviço da marca no Brasil. É uma bela oportunidade para cativar os insatisfeitos com a HD.

  4. Uma customizada pra mexer no tanque e guidão já deixaria ela bem maneira.

    Estou sem som no pc, mas estou curioso pra saber se o ronco dela é aquele mesmo afogado da V-bode.

    Caso não for, poderia pensar em levar se o atendimento for melhor que o da Harley, que é péssimo…

    E viva a competição do mercado! hehehe…

  5. Fodamente linda!
    Motor refrigerado à água mais comando duplo no cabeçote… deve andar mesmo! E ainda parece bem confortável. Faria um belo par c a sportie na garagem.
    Esperar os gringos começarem a rodar bem c as Indian p ver se guentam o ferro.

  6. Moto bonita, com um designer arrojado e inovador, vincos bem marcados no tanque… legal, mas Harley, para mim, é mais que uma moto, e passional. Até porque, se fosse racional, pilotaria uma BMW 1200GS.

    Harley Forever Forever Harley.

  7. Em nossas terras tupiniquins, onde não se entende p… nenhuma de motocicleta, onde só se vê “muleki” andando de bermuda, havaianas (escapamento aberto, claro…), idiotas fazendo m… na Bandeirantes, reportagens de burradas e se achado o máximo na web, tirando rachas até com velhinhas que dirijam carros esportivos, onde se usa macacão de pista, luva Alpine Star, capacete importado para andar de Harley Davidson, enfim, essa motocicleta vai virar artigo de garagem de bacanas, ouseja o cara que tem grana e que compra só porque acha bonito e porque quer se exibir. (avanti, illuminati…).
    Esse pessoal torna tudo mediocre.
    Eu continuo com meu jeans roto, minha velha camiseta surrada e porque não, meu capacete aberto.
    tudo na maior simplicidade e com o melhor despojamento possivel, curtindo meu henry mancini, johnn cotrane, janis s joplin etc.Aliás, tem hora que agradeçpo meus 60 anos…

  8. Que moto bala! Moderna, mas com referências retrô. Bem do meu tamanho! Pena que demora muito para uma marca dessas se firmar no mercado e oferecer uma rede de assistência nas principais capitais do país. Mas seria uma sensacional alternativa à Harley e ainda por cima provocaria uma melhoria no pós-venda dela. Tomara que a Indian venha ao Brasil com bastante força. Tomara!

  9. A Indian tem tudo para abocanhar o reinado da Harley Davidson. E digo isso com dor, mas francamente fabricar Harley na Índia… Essa doeu. Cade a tradição???
    De repente eu mordo a língua e a Indian pode ser fabricada em algum pais da Ásia….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *