Dica simples e útil para ter na moto

Excetuando em longas viagens, eu não sou muito fã de alforges. Para o dia a dia prefiro usar mochilas, especialmente quando preciso carregar o notebook ou a câmera. Mas a grande verdade é que, na maioria das vezes, eu prefiro andar sem nenhum tipo de peso, carregando apenas o necessário na jaqueta ou colete, seguindo aquela velha máxima: “Na moto não cabe tudo o que você quer, mas cabe tudo o que você precisa”.

Por outro lado, não tem nada mais chato do que precisar passar rapidamente no mercado para aproveitar aquela promoção de cervejas, e não ter onde carregar as coisas porque a mochila ou o alforge ficaram em casa. Claro, tem sempre aquele jeito improvisado de levar uma sacola no braço, ou equilibrando no tanque, mas vamos ser sinceros, não é nada seguro (palavra de quem já levou 40kg de lenha em uma scooter).

Por isso, uma boa dica é ter sempre guardado na moto uma daquelas mochilas dobráveis de academia, facilmente encontradas por menos de 20 reais em lojas como a Decathlon. São do tamanho de uma carteira, e dá pra esconder embaixo do banco, no jogo de ferramentas, ou até mesmo no bolso do colete.

DSC_1356

DSC_1357

DSC_1358

Fica a dica.

18 ideias sobre “Dica simples e útil para ter na moto”

  1. Quando vou ensaiar e to sem carro me sinto como o chinês da foto: empilho meu ampli, uma mochila com os cabos e afins e a guitarra na Intruder…olha que meu amplificador não é pequeno haha. Ótima dica essa da mochila, sempre carrego uma redinha de elástico pra poder amarrar as coisas na sissy bar, é uma grande ajuda tbm,

  2. Também não gosto de alforges. Tem gente que coloca só de enfeite. Acho o visual tiozão e fica mais horrível ainda na minha chopper ratbike. Sou adepto da mochila também.

  3. Bacana. Boa dica!

    Para viagens tenho alforges laterais e as vezes uso uma mochila de montanhismo que amarro no encosto.

    Porém, na cidade, como ando muito com a dona onça e trabalho social, eu mantenho um alforge traseiro pequeno na Shadow e um bauleto na Intruder, para pequenas ferramentas, trancas, sapatos sociais, capa de chuva e aquelas sacolas plásticas reforçadas para quando precisar ir no mercado (já que SP está com aquela lei da proibição das sacolas plásticas de novo).Andar com alforges laterais na cidade não dá, atrapalha demais para circular nos corredores apertados daqui.

    Já tentei ir de mochila um tempo, mas não da, amassa a porcaria do terno.

  4. Eu não gosto de mochila, nem de alforges (apesar de usar uma pequena bolsa lateral com a inevitável capa de chuva). Fora isso, tudo o que preciso levo nos bolsos da jaqueta.
    Mas gostei muito dessa dica. A gente nunca sabe quando vai precisar carregar alguma coisa que não estava planejada.
    Valeu, Old.

  5. Confesso uma coisa pra vc meu caro…
    Também não gosto de alforge, mas o que ganhei recentemente está me salvando, tendo em vista que o Ratão (meu old roots car) está meio parado…
    Compras, viagens e tudo mais!!!
    Salva mesmo…
    Mas adorei a sua dica!!!

  6. Eu tenho uma scooter cinquentinha no estilo vespa, quando eu não quero botar a mochila nas costas eu prendo a mochila no escudo, na parte de dentro e abotoo o fecho das alças na frente do escudo, às vezes preciso levar mochila com notebook, bolsa com projetor e alguns equipamentos, eu levanto o banco da moto e prendo a alça da bolsa e fica tudo no assoalho da moto, tranquilo e sem desequilíbrios. uma das poucas vantagens de ter moto da marca e modelo que tenho…

  7. Ainda nesse lance do alforge, que implica em viagens, fiz umas pesquisas na net e acabei encontrando esse cabra macho aqui: http://www.roadgarage.com/ sei lá se vocês já conhecem.

    O cara simplesmente está rodando o norte brasileiro de moto (HD) ele mete a bicha no meio das dunas, agua, etc., e nao ta nem ai, terreno que faria muita big trail querer sair correndo.
    E pelo que vi, o cara não usa alforges, é tudo amarrado na moto rsrs…

    Quem curte moto/fotografia vale a pena uma visita.

  8. Na Decathlon tem muita coisa útil para QM anda de moto, jaquetas corta vento na sessão de montanhismo, escova para limpar corrente na parte de ciclismo, botas impermeáveis e tbm capa de chuva leve/resistente no estilo dessa mochila ai….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *