Cadê os posts de 2017?

Calma. Lembra daquela história de que o Brasil só funciona depois do Carnaval? Meu cérebro parece ter levado essa máxima à sério e está esperando o feriado para voltar a funcionar.

Eu não sei quanto a vocês, mas a minha ressaca de ano novo ainda está perdurando.

Sem falar que anda bem difícil criar coragem de sair de casa nesse calor. Quando saio pra almoçar lá pelo meio dia, sentar na moto (que nunca está na sombra) usando calça jeans grossa e ligar um V2 refrigerado a ar é algo que certamente está em algum livro de psicologia como sintoma de alguma doença mental.

Porque a gente faz isso? Não sei. Todo motoqueiro é um pouco masoquista. Vai ver que é por isso que alguns de nós até se vestem a caráter com roupas couro preto e cintas com tachinha pra tudo que é lado.

Sem falar na reação que acontece nos nossos países baixos assim que o motor chega na temperatura certa de funcionamento.

Por isso, meu amigo, um brinde pra você que saiu de moto nesse calor Senegalês (que um leitor já disse que é uma expressão besta, lá no Senegal nem faz esse calor). Andar de moto com 40º graus na sombra não é pra qualquer um, é preciso coragem.

Bom, coragem e um pouco de loucura. Mas é como dizem por aí: “Em toda família tem um doido. No caso da minha, sou eu mesmo que ando de moto.”

Feliz 2017!

8 ideias sobre “Cadê os posts de 2017?”

  1. auhauuauhahau eu fiz isso em uma estrada por 110km so de reta pensa num sofrimento tanto que quando achei o primeiro rio na beira da estrada parei e joguei la dentro a jaqueta auuahauhuahuhuahuuhauaua quando ela tava ensopada ae coloquei ela e voltei pra estrada

  2. hahaahhaahahha a melhor forma de curar uma ressaca é criando outra!

    Sabe que tenho me questionado isso nestes dias também quanto a sair neste calor “senegalês?” Quando cai aquele temporal de verão na volta para casa nem chega a ser um incomodo, nem capa eu coloco.

    Não da nenhuma vontade de sair de moto, mas saímos mesmo assim (no meu caso não tenho outra opção por opção), daí sempre tem aquele vizinho enxerido para perguntar no elevador quando vê o capacete em mãos: “Calorzão, hoje ta bom para “passear” de moto né?”

    E com essa loucura continuamos a luta. Bom 2017.

  3. Cara, esse calor dentro da cidade é coisa de maluco mesmo. No último domingo, fui curtir umas cachoeiras no lado mineiro da Serra do Caparaó. Só de chegar na área a temperatura já caiu muito devido ao tamanho da região arborizada. A máxima do dia ficou em torno de 28ºC em pleno Janeiro! Moro a 180km do Parque e a máxima aqui em Miracema-RJ chegou nos 40ºC. É nessa hora que o cidadão percebe a diferença que faz plantar uma árvorezinha!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *