Que história é essa da Harley comprando a Ducati?

Em resumo, a Harley NÃO comprou a Ducati como foi anunciado por aí em alguns sites “jornalísticos”. O que aconteceu foi simples: a Volkswagen, que atualmente enfrenta um processo bilionário, demonstrou interesse em colocar a Ducati a venda para angariar fundo, A Harley, por sua vez, foi uma das 5 empresas que demonstrou interesse em comprar.

A Royal Enfield, tradicional fabricante, aparentemente estava disposta a dar uma oferta melhor, mas a venda nunca foi adiante por causa de uma disputa com sindicatos e trabalhadores (até o momento nenhum deles fez comentário sobre o motivo). Até o momento, as negociações estão paradas.

Porque a Harley quer comprar a Ducati? Ela não vendeu a MV Augusta e a Buell justamente para focar apenas na sua marca?

Sim. Mas existe uma grande diferença entre outras marcas de moto e a Ducati. Lembram do artigo “Não gostou da linha 2018 da Harley? Então ela provavelmente não é para você“? Nele discutimos as estratégias da Harley-Davidson, de focar no público jovem já que o boa parte dos seus consumidores estão envelhecendo. Nesse cenário, a compra da Ducati faria muito sentido.

Sim, são motos de estilos bem diferentes, mas a paixão por elas é muito parecida. Os fãs de Ducati são chamados de “Ducatistas”, usam jaquetas com o brasão da empresa, bonés, camisetas, chaveiros e discutem apaixonadamente cada novo lançamento da marca.

Lembra o público da Harley, não?

A Ducati é uma marca que não vende apenas motos, vende lifestyle. E por possuir um apelo maior entre um público mais jovem, especialmente o urbano, é uma compra interessante para a Harley conseguir aumentar sua fatia do mercado.

Seria altamente improvável que as marcas fossem fundidas ou tivessem produtos unificados como foi dito por aí. Não faria o menor sentido. O que muitos parecem não entender nessa história é que há uma grande diferença entre a marca Harley-Davidson e a corporação de mesmo nome.

A primeira cria motos, a segunda, negócios. E a Ducati poderia ser um bom negócio.

5 ideias sobre “Que história é essa da Harley comprando a Ducati?”

    1. Putz….que tos puristas me perdoem…sou Harleyro velho…52 anos…ja tive 2 Fat boy…Iron.l 883….e tenho uma Fatbob 2015 que adoro, mas……EU GOSTEI DA NOVA FATBOB! Podem me apedrejar…eu mereço….rsrsrs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *