Arquivo da categoria: Motos no cinema

Os 20 filmes de moto essenciais

Screen Shot 2014-08-11 at 2.17.28 PM

Lista feito pelo site Silodrome com os 20 filmes que eles consideram essenciais sobre moto:

http://silodrome.com/top-20-motorcycle-movies/

Deles, tanto Akira, Desafiando os Limites, TT Closer to The Edge, The Wild One, Harley Davidson e Marlboro Man quanto Easy Rider já foram assuntos aqui diversas vezes, mas isso não significa que os outros sejam menos importantes ou interessantes.

Para quem não conhece, vale a pena perder um tempo caçando eles no Netflix ou na Internet.

Finding Main Street

Não dá para ler sobre esse projeto e não sentir aquela pontinha de inveja saudável. Trata-se de um curta que conta a trajetória de três amigos cruzando os EUA de moto, aprendendo mais sobre si mesmos e sobre seu país.

A aventura foi filmada de forma independente, bancada com ajuda do Kickstarter. A melhor parte é que está disponível na íntegra aí em cima. de graça. A dica é do próprio Dylan Ozanich, um dos motociclistas em cena.

Para saber mais, o site oficial é findingmainstreet.com

victory IMG_9952 IMG_3786

Akira – o filme

Muitas pessoas da minha geração foram altamente influenciadas por filmes como Mad Max e desenhos como Akira, especialmente quando o assunto são motos. A gente cresceu acreditando que o futuro seria pós-apocalíptico, ou que seríamos controlados por corporações como a OCP.

Por isso não deixa de ser interessante ver que ainda existem fãs do desenho tentando transforma-lo em um longa metragem, quase 26 anos após o seu lançamento. O trailer acima é do Akira Project, um filme feito inteiramente sem fins lucrativos, por pessoas que dedicaram seu tempo e talento ao projeto, com fundos recebidos através de uma campanha de crowdsourcing.

Esse levou o estilo pra vida real.

A moto de Daryl em The Walking Dead

Alguém me explica porque um cara que usa uma balestra para não fazer barulho e não atrair a atenção dos zumbis, anda por aí com um escape completamente aberto e barulhento?

Apesar de já ter feito um post sobre o assunto, ainda recebo muitas perguntas sobre essa moto. Na verdade não se trata de um modelo específico, e sim de uma chopper montada com diversas peças diferentes. O motor dessa moto veio muito provavelmente de uma Triumph Bonneville 650, colocada em um quadro adaptado, com o que parece ser um tanque Mustang encurtado, similar ao teardrop.

O tanque tem o símbolo da temida SS, a temida polícia de Hitler, mas isso não significa que o personagem seja nazista. Nos anos 60 e 70 era comum os bikers americanos usarem artigos como suásticas ou a cruz de ferro alemã em suas motos, simplesmente para chocarem a sociedade.

Afinal, essa moto foi feita para lembrar justamente o estilo das choppers de fundo de quintal que surgiram nos final dos anos 60 e adentraram nos anos 70. Naquela época, a febre de filmes como Easy Rider e de outros da chamada “Bikexplotation“, fizeram com que a galera resolvesse transformar tudo, de bicicletas a Triumphs, em choppers. Muitas delas eram feitas em oficinas de bairro, ou na própria garagem de casa, com poucos recursos e muita criatividade. Era o tempo de revistas como a Easyriders, que trazia matérias do mundo biker underground e ensinava como mexer na sua moto com poucos recursos.

Infelizmente, essa febre das choppers também levou a muito improviso, soldas malfeitas, e gente morrendo na estrada por causa de motos que simplesmente desmontavam. As choppers só foram renascer de novo nos anos 90, mas isso é assunto pra outro post.

O ator Norman Reedus na vida real, com sua Triumph “Hammarhead Jack Pine”.

Bounty Killer – filme B com motos

Esse é mais um daqueles filmes que possuem um orçamento relativamente respeitável, mas que se esforçam para ter cara de filme B e virar cult. Infelizmente, só de assistir ao trailer dá pra perceber que não está na categoria de filmes que fazem isso com maestria, como Hell Ride e Planet Terror.

Por outro lado, o trailer já começa com uma “carruagem” feita com um ônibus e Harleys, tem mulheres com máscara do Dia de Los Muertos, Hot Rods, gente dando rolé pelo deserto, uma protagonista com pinta de pinup e mais uma série dessas coisas que a gente tanto gosta.

Ou seja: no fim das contas, posso estar enganado e ser um filme bem divertido, já que mesmo o Rotten Tomatoes está dividido em opiniões. Por isso, se alguém assistiu a esse filme, deixe sua opinião nos comentários pra gente.

bounty_killer1 bounty-killer-movie-images

The Greasy Hands Preachers

Mais um projeto independente, mais uma vez ligada a subcultura dos fotógrafos, artistas e designers que estão abraçando as duas rodas.

O trecho acima é um preview liberado pelo pessoal que está trabalhando no filme The Greasy Hands Preachers, algo como os “Pastores com graxa nas mãos” em tradução livre.

Uma coisa que eu achei muito interessante nesse projeto é que ele foi bancado pelo Kickstarter. Quando a galera se une, não existem obstáculos.

photo-main

Why We Ride

why_we_ride

O documentário “Why We Ride” conta um pouco da paixão que nós temos pelas duas rodas, e o trailer oficial dele você confere aí embaixo. Com belas cenas, e um roteiro um tanto lento, fez muito sucesso desde o seu lançamento em outubro do ano passado. Mas, como era de se esperar, o Brasil mais uma vez ficou de fora e não há nenhuma perspectiva de lançamento por aqui. E como vários sites não permitem o aluguel de streaming para o Brasil, nem enviam certos DVDs e BluRays pra cá, ficamos sem opção.

Então qual a razão desse post? Eu poderia dizer que o filme na íntegra foi postado no YouTube, ou que cópias dele já estão circulando em sites como o The Pirate Bay, mas não vou fazer isso.

Se é que vocês me entendem.

Qual é a moto do filme Harley-Davison & Marlboro Man?

harley_davidson_and_the_marlboro_man

Também conhecido como “Caçada sem trégua”, a moto do personagem Harley-Davidson, interpretado por Mickey Rourke (em uma época em que ele ainda não se parecia com a Dercy Gonçalves) é com certeza uma das mais famosas do cinema.

A moto é uma Harley-Davidson FXR 1989, com garfo alongado e amortecedores traseiros removidos, substituídos por strut bars para dar a impressão dela ser uma rabo duro. Para quem não conhece, esse é um acessório como o fabricado pela Biltwell, que consiste numa barra de aço para ser preso no suporte original dos amortecedores.

O banco e paralamas são um Don Crager encurtados, enquanto o tanque veio de uma Softail. Ele foi lixado e revestido apenas com uma camada de primer, com a inscrição Evolution na lateral, indicativo de orgulho de qual motor ele possuía. Dizem que as cartas possuem as iniciais dos nomes dos amigos de Mikey Rourke, que participou ativamente do processo de customização da moto.

04

Alguns dizem que o motor é de 80ci, outros de 98ci. Aparentemente, ambas as versões foram usadas, com o mais potente para as cenas de ação. A única coisa certa é que ele possui um belo filtro teardrop da S&S.

Infelizmente, pouco se sabe com certeza além disso sobre a moto do filme, também conhecida como Black Death, já que houve um erro na divulgação de quem fabricou a moto original e até hoje várias pessoas tentam assumir sua autoria. Como diversas foram fabricadas para o filme, algumas para close, outras para cenas de ação, fica difícil saber a verdadeira história.

Apesar do clichê “corporações malignas querendo destruir um bar de bikers”, o filme até que é divertido. Eu vi quando era pré-adolescente e pirei, mas os mais novos vão simplesmente achar bobo. Mas se tiver curiosidade, ele está disponível para assistir de graça online no Crackle aqui.

Marlboro_Man

harley661

marllborowman-harley

E se você ainda não percebeu quem esse filme pretendia “homenagear”, aí vai uma dica:

Outros posts da série:

Qual é a moto do Michael Douglas em Chuva Negra?
Qual é a moto de “Tron – O legado”?
Qual é a moto do Exterminador do Futuro?
Qual é a moto do filme “Os homens que não amavam as mulheres”?
Qual é a moto do Capitão América?
Quais são as motos do seriado Sons of Anarchy?

The Wild One

IMG_0658Pelo visto o cidadão aí é como eu, fã de O Selvagem (não confundir com O Selvagem da Motocicleta, que é outro filme). Gosto bastante do clima daquela época, logo após a Segunda Guerra Mundial, onde mesmos os MCs “casca grossa” eram menos sérios e mais voltados para a diversão, e as encrencas eram mais saudáveis.

Também gosto muito do fato de que esses caras curtiam corridas, e que não importava o tipo de moto que você tinha, e sim a camaradagem que você trazia para o grupo. É só ver que o Marlon Brando pilotava uma Triumph, e não uma Harley como muita gente acredita.

Se você quiser saber mais sobre essa época, recomendo os posts Os verdadeiros Wild Ones e Duas guerras, dois MCs, e o conto The Cyclist’s Raid, também baseado nos eventos de Hollister que deram origem ao filme.

E para quem não conhece, segue o filme na íntegra.

UPDATE: Troquei o filme por uma versão com legendas em Português. Agradecimentos ao Bira, que mandou o link.

Qual era a moto daquele filme?

actress-cars-mechanic-megan-fox-Favim.com-808246

Já faz um tempo que eu tento fazer posts explicando qual era a moto de determinado filme, que é algo que as pessoas me perguntam constantemente. Alguns posts sobre o assunto:

Qual é a moto do Michael Douglas em Chuva Negra?

Qual é a moto de “Tron – O legado”?

Qual é a moto do Exterminador do Futuro?

Qual é a moto do filme “Os homens que não amavam as mulheres”?

Qual é a moto do Capitão América?

Quais são as motos do seriado Sons of Anarchy?